Fechar
Segunda, 22 de abril de 2024
Segunda, 22 de abril de 2024
Destaques 22/02/2024

Rangel lança primeiro ponto de acesso público à internet do Paraná

O Wi-Fi Paraná Inovador é um projeto da Secretaria de Estado da Inovação que fomenta a instalação de pontos de acesso em locais com grande circulação de pessoas. Pato Branco é a primeira cidade a receber

Ouça a notícia Ouça a notícia – Tempo de leitura aprox. --
Rangel lança primeiro ponto de acesso público à internet do Paraná

O Governo do Paraná, por meio da Secretaria da Inovação, Modernização e Transformação Digital (SEI), lançou nesta quinta-feira (22) o primeiro ponto de acesso público à internet do projeto Wi-Fi Paraná Inovador, em Pato Branco, na região Sudoeste. A proposta é levar a inclusão digital para os municípios com maior dificuldade de conectividade por meio de uma rede gratuita.

Em Pato Branco, o primeiro teste de conexão envolve a implementação de dois pontos de acesso na recepção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município, localizado no bairro Cristo Rei. A UPA funciona 24h, com circulação de mais de 11 mil pessoas mensalmente. A conexão do sinal possui tecnologia semelhante ao 5G, com 500mb de velocidade e capacidade para tráfego de mil usuários simultaneamente.

O Wi-Fi Paraná Inovador é um projeto da SEI que fomenta a instalação de pontos de acesso em locais com grande circulação de pessoas, como praças, prédios públicos e locais mais afastados da área central. Além de Pato Branco, serão realizados testes nos municípios de Irati e Palmeira, nas regiões Centro-Sul e Campos Gerais, nas próximas semanas. Após o monitoramento das redes e resultados, será iniciada uma segunda fase do programa, atendendo outros municípios.

O secretário da Inovação, Marcelo Rangel, disse que o projeto serve para conectar bairros e regiões. “O objetivo é levar acessibilidade para as pessoas. Inovação não é apenas investimento em novas tecnologias, mas também democratizar o acesso à internet em regiões que precisam se desenvolver. Isso traz novas oportunidades, por exemplo, na educação, qualificação, aceleração de comércios e agilidade em atendimentos na saúde”, explicou.

O prefeito de Pato Branco, Robson Cantu, ressaltou a importância da instalação de internet na unidade de saúde. “Aqui na UPA recebemos milihares adultos e crianças, e a disponibilização de um sinal gratuito de internet para que os usuários possam se comunicar com familiares que estão em casa é fundamental”, afirmou.

Coworking

A SEI e a Prefeitura de Pato Branco também assinaram o convênio para a criação de um Espaço Coworking público e gratuito na cidade. Ele será montado dentro do Parque Tecnológico, com o objetivo de fortalecer e democratizar o acesso à qualificação profissional, além de promover a criação de novos negócios. O investimento é de R$ 1,5 milhão.

Os Espaços Coworking consistem em locais públicos de trabalho, que irão oferecer à comunidade local acesso a wi-fi, impressoras 3D, computadores e móveis para postos de trabalho, além de cursos de capacitação para empreendedores, robótica, eletrônica, programação, entre outros. No total o Estado investe R$ 15 milhões no projeto.

Outros nove municípios também irão receber espaços similares: Maringá, Cascavel, Guarapuava, Umuarama e Ponta Grossa já receberam o aporte de R$ 1,5 milhão para iniciar a implementação dos espaços, e Foz do Iguaçu, Jacarezinho, Londrina e Paranaguá vão receber os recursos nos próximos meses. (Com assessoria)