Fechar
Domingo, 25 de fevereiro de 2024
Domingo, 25 de fevereiro de 2024
Ponta Grossa 07/12/2023

Elizabeth e Ratinho Jr. oficializam instalação da Nissin em Ponta Grossa

Empresa fará o investimento de mais de R$ 1 bilhão na nova unidade, a terceira em solo brasileiro

Ouça a notícia Tempo de leitura aprox. --
Elizabeth e Ratinho Jr. oficializam instalação da Nissin em Ponta Grossa

A prefeita Elizabeth Schmidt e o governador do Paraná, Ratinho Junior, anunciaram oficialmente nesta quarta-feira (6), a instalação da Nissin Foods do Brasil, em Ponta Grossa. Será a terceira unidade da fabricante líder de macarrão instantâneo no Brasil, com investimento de R$ 1 bilhão.

“Esse é um dos maiores investimentos da nossa cidade. Minha gratidão aos executivos da Nissin que escolheram o Paraná e Ponta Grossa, nosso orgulho. Uma das coisas que me inspira muito na cultura milenar japonesa é o respeito ao trabalho e a discrição. E é assim que fazemos: falamos pouco e trabalhamos muito. Podem ter certeza que a gente de Ponta Grossa está pronta pra fazer essa planta funcionar dentro dos padrões globais de qualidade que a Nissin exige. Minha gratidão também ao governador Ratinho Junior que desponta cada vez mais no cenário nacional como exemplo de pessoa pública, com seu modelo de gestão”, ressalta a prefeita Elizabeth Schmidt.

O governador Ratinho Jr. destacou que a vinda da Nissin reforça o plano de o Paraná se transformar no grande supermercado do mundo, industrializando cada vez mais a produção de alimentos, ao invés de vender apenas commodities. “É mais uma multinacional que confia no Paraná, na nossa estabilidade para produzir, trazendo mais emprego e renda para o Estado”, diz o governador.

Distrito Industrial Norte

A unidade da Nissin em Ponta Grossa será construída em um terreno de mais de 400 metros quadrados localizado no Distrito Industrial Norte, às margens da PR – 151. A unidade deve começar a ser construída em junho de 2024, devendo ficar pronta em um prazo de dois anos. A empresa prevê um investimento de mais de R$ 1 bilhão e estimativa da geração de aproximadamente 500 empregos diretos, com prioridade para trabalhadores de Ponta Grossa.

A nova unidade vai produzir macarrão instantâneo tradicional, em pacote, além da versão em copos, o Cup Noodles. Parte da produção em Ponta Grossa também será destinada para exportação. (Com assessoria)