Fechar
Sábado, 15 de junho de 2024
Sábado, 15 de junho de 2024
Política 08/11/2023

Elisangela e vereadores assinam ordem de serviço para revitalização da Avenida das Flores

A avenida receberá novo pavimento, calçadas, baias de estacionamento, ciclovia e paisagismo, que totalizam investimentos na ordem de R$ 8.111.023,08

Ouça a notícia Tempo de leitura aprox. --
Elisangela e vereadores assinam ordem de serviço para revitalização da Avenida das Flores

A prefeita de Carambeí, Elisangela Pedroso, ao lado dos vereadores Antônio Xóxa, Deleon Betim, Eclaiton Bueno e Ilson Caninana, assinou a ordem de serviço para as obras de revitalização da Avenida das Flores, que terão início no próximo dia 21 de novembro. A avenida receberá novo pavimento, calçadas, baias de estacionamento, ciclovia e paisagismo, que totalizam investimentos na ordem de R$ 8.111.023,08. 

A prefeita Elisangela destacou a importância das obras de uma das principais vias que atravessa a cidade. “É com alegria que anunciamos mais essa obra que juntamente com a Rua da Campina e a Estrada do Areião, formam uma ligação viária importante, afim de melhorar o tráfego da cidade. É uma obra que projeta as próximas décadas de desenvolvimento”, afirmou. 

Com a expansão comercial na Avenida das Flores, a infraestrutura é imprescindível para fortalecer o comércio, deixar o tráfego mais organizado e mais segura. “A avenida foi construída há quase duas décadas, e, hoje está com o pavimento deteriorado, pela ausência de manutenção nos últimos anos. E, alguns pontos não há drenagem das águas das chuvas e esgoto. E cadê as flores da Avenida, precisamos sim pensar no embelezamento de nossa cidade, quem não quer uma cidade bonita”, indagou.  

Durante o ato de assinatura estiveram presentes além dos vereadores, moradores e empresários, representantes da Empresa Infrasul, a mesma que está executando as obras de pavimentação da Estrada do Catanduvas, engenheiros, secretários e assessores.  

O responsável pela empresa explica que a empresa iniciará num primeiro as obras de topografia, respeitando o período de festas de natal e fim de ano, já que se trata de uma área comercial. “Vamos respeitar esse momento e em janeiro as obras começam numa velocidade maior, para não prejudicar as vendas e trazer prejuízo financeiro, já que transtornos durante as obras são comuns”, frisou. (Com assessoia)