Fechar
Sábado, 15 de junho de 2024
Sábado, 15 de junho de 2024
Política 06/06/2023

Requião Filho é o primeiro parlamentar a usar ChatGPT para criar um projeto de lei na Assembleia

Iniciativa inovadora elabora proposta que regulamenta o uso de IA pelo governo

Ouça a notícia Tempo de leitura aprox. --
Requião Filho é o primeiro parlamentar a usar ChatGPT para criar um projeto de lei na Assembleia

O deputado estadual Requião Filho (PT) tem explorado novos territórios legislativos com o auxílio da Inteligência Artificial (IA). Em uma iniciativa inovadora, o deputado utilizou o ChatGPT, um modelo de linguagem desenvolvido pela OpenAI, para elaborar uma proposta de lei que visa regulamentar o uso de IA pelo governo do Estado. A proposta de Requião Filho surge para garantir que a implementação de tais tecnologias pelo governo seja feita de maneira ética, responsável e transparente.

“A IA tem se mostrado uma ferramenta valiosa em diversas áreas, de saúde e educação a transportes e segurança. Agiliza também o trabalho legislativo e propõe um novo repertório de ideias que somam ao nosso trabalho”, avaliou. 

O projeto de lei elaborado pelo ChatGPT, sob supervisão dos assessores do gabinete do Deputado Requião Filho, abrange questões complexas, como transparência, responsabilidade, privacidade e proteção de dados, entre outras. Além disso, o documento estabelece diretrizes para a revisão regular da legislação, a fim de acompanhar os rápidos avanços da IA.

A iniciativa de Requião Filho demonstra o compromisso do Paraná com a inovação e a adoção de novas tecnologias, ao mesmo tempo em que reforça a importância da ética e dos direitos humanos. No entanto, em um mundo cada vez mais digital, a necessidade de leis e regulamentações atualizadas é crucial. 

“A IA tem um enorme potencial para melhorar a eficiência dos serviços governamentais e a vida dos cidadãos. No entanto, seu uso também levanta questões importantes”, alertou. Ao utilizar o ChatGPT para elaborar a proposta de lei, o Deputado Requião Filho está ajudando a moldar a conversa sobre o futuro da IA e garantindo que o Paraná esteja na vanguarda da governança digital. (Com assessoria)