Fechar
Terça, 03 de agosto de 2021
Terça, 03 de agosto de 2021
Política 09/06/2021

Carlos Massa Ratinho Junior é o novo cidadão honorário de Ponta Grossa

Câmara aprovou proposta do vereador Filipe Chociai (PV) que concede título de cidadania honorária de Ponta Grossa ao governador do Paraná

Ouça a notícia Tempo de leitura aprox. --
Carlos Massa Ratinho Junior é o novo cidadão honorário de Ponta Grossa

O governador Carlos Roberto Massa Junior, ou simplesmente Ratinho Junior, é o novo cidadão honorário de Ponta Grossa. Projeto com esse teor, de autoria do vereador Filipe Chociai (PV), foi aprovado na sessão desta quarta-feira (9) da Câmara.

Durante a discussão da proposta, Chociai ressaltou as obras e benfeitorias proporcionadas por Ratinho Junior a Ponta Grossa, ao longo de sua carreira política, que teve início em 2002. "Trata-se de uma singela homenagem ao nosso governador, em reconhecimento ao trabalho feito em prol de Ponta Grossa ao longo de sua carreira", justificou Chociai.

Com 40 anos completados no último dia 19 de abril, Carlos Massa Ratinho Junior foi eleito deputado estadual aos 21 anos, em 2002. Na eleição seguinte, em 2006, foi eleito deputado federal, sendo reeleito em 2010 e tendo disputado a Prefeitura de Curitiba em 2012.

Em 2014, já no seu projeto para vir a governar o Paraná, Ratinho Junior foi eleito deputado estadual, se licenciando do cargo para ser Secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano, ficando mais próximo dos municípios paranaenses. Em 2018, foi eleito governador do Paraná, no primeiro turno, com mais de 3,2 milhões de votos (59,99% dos votos válidos).

Na discussão da proposta na Câmara, os vereadores lembraram de obras que tiveram participação de Ratinho Junior em Ponta Grossa. A mais recente foi o incentivo dado para a instalação no Município de uma indústria de malte, com investimento de mais de R$ 3 bilhões.

O presidente da Casa, Daniel Milla (PSD), ressaltou que nos bastidores Ponta Grossa disputou a vinda da maltaria com os municípios vizinhos de Carambeí e Castro, e que a participação do governador foi fundamental para que Ponta Grossa fosse contemplada.

Trata-se de um empreendimento que vai gerar empregos, renda e tributos ao Município. "Isso é apoio político. Isso é articulação", disse Milla, enfatizando o apoio também para investimentos por parte da Ambev e da Madero.

O empenho do governador em conquistar a instalação da Escola de Sargentos das Armas (ESA) para Ponta Grossa também foi lembrada pelos parlamentares. Recentemente, Ratinho Junior cumpriu agenda em Brasília, no comando maior do Exército, em defesa da vinda da ESA para o Município.

O projeto de cidadania honorária para o governador Ratinho Junior recebeu 18 votos favoráveis e somente um contrário, da vereadora Josi do Coletivo (Psol). Ela justificou o voto com críticas à política do Estado na área da Educação.