Sem categoria

Dia do Ciclista é aprovado na Câmara em momento de pedido por respeito no trânsito

A Câmara de Ponta Grossa aprovou, nesta segunda-feira (09), em primeira discussão, projeto do vereador Celso Cieslak (PRTB) que cria o Dia do Ciclista e do Cicloturismo no Município. A data será celebrada no dia 10 de novembro de cada ano e pretende fomentar a prática do ciclismo e o uso da bicicleta como meio de transporte na cidade.

A aprovação da matéria acontece em um momento em que os ciclistas ponta-grossenses clamam por mais respeito no trânsito. Um acidente envolvendo ônibus da Viação Campos Gerais (VCG), responsável pelo transporte público em Ponta Grossa, na noite do último domingo, gerou uma série de reclamações nas redes sociais.

Acidente

O acidente aconteceu na Rua Jacob Holzmann. O ônibus da linha Terminal Oficinas bateu na traseira de uma bicicleta e, por sorte, ninguém ficou ferido e houve apenas danos materiais. No entanto, várias testemunhas passaram a criticar a atitude do motorista do coletivo – quem presenciou a cena disse que o condutor alegou que o ciclista não deveria estar no meio da rua e que esta teria sido a causa do acidente.

Centenas de comentários criticando o funcionário e a malha viária da cidade, que em nenhum momento favorece o ciclista, tomaram as redes sociais desde então. Praticantes do esporte organizaram manifestações e pediram esclarecimentos à empresa, além de acionarem autoridades como a vice-prefeita Elizabeth Schmidt, entusiasta do Cicloturismo, cobrando providências na infraestrutura urbana para incentivar a prática do ciclismo.

Investigação

Por meio da assessoria de imprensa, a VCG informou que está buscando informações a respeito do acidente, e que o fato demanda mais investigação. A empresa se comprometeu a ouvir testemunhas e envolvidos no incidente para, somente depois, emitir um posicionamento oficial sobre o caso.

A assessoria de imprensa da Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT) esclareceu que já existem projetos em andamento para instalação de ciclofaixas em duas vias da cidade: na Avenida Dom Geraldo Pelanda e na rua Rodrigo Otávio.

Orientação

A AMTT orienta que os ciclistas utilizem os equipamentos de segurança exigidos como buzina, espelho e sinalização refletiva, além do capacete e que estejam atentos ao fluxo da via, redobrando a atenção ao passarem por cruzamentos. Quanto aos motoristas, além da atenção e cuidados necessários no dia a dia, a autarquia afirma que eles também devem respeitar a distância de segurança mínima de 1,5 metros dos ciclistas, dando-lhes a preferência e se mantendo atento às mudanças na via. (Com informações do Portal aRede!)

Confira outros Posts