Destaques TV Doc

Rangel comemora avanços nos 197 anos de Ponta Grossa; assista

Segundo prefeito reeleito da história de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PSDB) encerra o atual mandato no comando da Prefeitura no dia 31 de dezembro deste ano. O gestor deixou o cargo de deputado estadual (na época filiado ao PPS) para assumir a Prefeitura em 2013. Praticamente oito anos depois de assumir a cadeira no Palácio da Ronda, Rangel participou de uma sabatina transmitida ao vivo nas redes sociais do Jornal da Manhã e do portal aRede nesta segunda-feira (14), véspera do aniversário da cidade, conduzida pelo jornalista Eduardo Farias, editor do blogdodoc.com.

Durante a sabatina, que também teve a participação do governador Ratinho Junior (PSD), Rangel destacou os avanços da cidade nos últimos anos. O prefeito destacou o desenvolvimento econômico da cidade, além do próprio avanço em questões estruturais com obras marcantes, como é o caso do Lago de Olarias e o avanço das pavimentações nos bairros. Além disso, o gestor destacou decisões difíceis que teve que tomar no comando da Prefeitura.

Apesar das dificuldades enfrentadas atualmente, como a pandemia da covid-19 e a consequente crise econômica, Rangel afirmou que atualmente é o prefeito “mais feliz do Brasil”. O gestor afirmou que apesar de estar no final do segundo mandato e tomando ações difíceis, como é o caso das medidas contra o contágio pela covid-19, Rangel destacou a boa aceitação da população para a atual gestão.

O prefeito destacou ainda o desafio de sanear as finanças do município. Apesar da pandemia e da consequente queda na arrecadação de tributos, Rangel afirma que deixará uma cidade “sadia economicamente”. Durante os dois mandatos no comando do município, Rangel enfrentou temas polêmicos, como a situação dos precatórios e também o regime de trabalho dos servidores públicos municipais.

Rangel lembrou ainda a parceria com o Governo do Estado na atração de empresas, além do investimento no setor habitacional que garantiu a ampliação do número de moradias populares na cidade. Para Rangel, a parceria com o Governo do Estado foi fundamental para garantir investimentos necessários para que o município mudasse de patamar no recebimento de investimentos.

Acompanhe a sabatina abaixo:

Eduardo Farias: Qual é a importância da parceria entre Prefeitura e Governo do Estado para o desenvolvimento de Ponta Grossa?

Marcelo Rangel: Ponta Grossa é uma das cidades que mais cresce no sul do Brasil, muito por conta da parceria junto ao Governo do Estado. Trabalhamos sempre para que a cidade se desenvolva, não somente na atração de grandes indústrias, mas também em vários outros setores que são fundamentais para a qualidade de vida da população. No caso da habitação, por exemplo, foram construídas 11 mil novas moradias que beneficiaram várias famílias ponta-grossenses. Hoje, somos a cidade que tem o maior número de empregos, segundo o Caged. Também tivemos um grande desenvolvimento em termos de infraestrutura com obras importantíssimas, como é o caso do Lago de Olarias. No caso da pavimentação, por exemplo, já alcançamos 87% de cobertura no município o que é um feito notável. Tudo isso foi fruto de uma forte parceria com o Estado. Ponta Grossa hoje vive um grande momento de sua história.

EF: Quais ações a Prefeitura preparou para a comemoração dos 197 anos em um momento como o que vivemos atualmente?

Rangel: É a primeira vez na história que a celebração do aniversário da cidade não terá pessoas nas ruas, desfile e tudo que estamos acostumados. O povo de Ponta Grossa sentirá muita falta dessa festividade. Eu sou da época em que a maioria dos jovens faziam de tudo para sair de Ponta Grossa. Todos estudavam, se formavam e não viam a hora de ir para outros centros com o objetivo de construir família e se estabelecer. Hoje é diferente, os jovens querem ficar aqui. Nós estamos recebendo muitos empresários que querem se dedicar à Ponta Grossa. Várias pessoas que chegaram de fora para trabalhar em indústrias ressaltam a grande qualidade de vida e hospitalidade de Ponta Grossa.

EF: Essa mudança de postura é importante para o desenvolvimento da cidade?

Rangel: Essa mudança é muito importante. Viver em uma cidade que você ama é fundamental. Durante muito tempo, acreditávamos que Ponta Grossa tinha uma certa falta de organização, planejamento e infraestrutura. Atualmente, temos um município independente que possui um aeroporto, excelência no atendimento em saúde para crianças e uma educação de qualidade tanto no setor público, como no privado. Nós temos oportunidades para os jovens e também para os pais e mães. A garantia de emprego também é fundamental. Hoje, as oportunidades que Ponta Grossa oferece são inúmeras. Chegamos aos 197 anos mais maduros do que nunca, com um amor incondicional pela cidade de Ponta Grossa.

EF: Qual é a programação para este dia 15 de setembro no aniversário do município?

Rangel: Amanhã [terça-feira] cedo pretendemos hastear as bandeiras em vários pontos da cidade como um ato de devoção ao nosso município. A bandeira branca e azul é o símbolo de tudo que nós adoramos na nossa cidade. Quando vejo aquela bandeira tremulando, lembro de tudo que foi conquistado nos últimos anos. Essa foi a alternativa que encontramos diante da impossibilidade de fazer o desfile cívico como sempre fizemos. Foi uma forma de homenagear a nossa cidade e também se seguirmos com ações cívicas mesmo em um momento de isolamento domiciliar.

EF: Como o senhor avalia o final do segundo mandato no comando da Prefeitura?

Rangel: Hoje eu me considero o prefeito mais feliz de todo o Brasil. É muito difícil um prefeito ter um nível alto de aceitação no segundo mandato, como é o nosso caso. Tudo que foi feito foi conquistado por meio de muito trabalho, por isso, agradeço a todos que me apoiaram ao longo desses dois mandatos, especialmente todos os servidores públicos de maneira geral e a minha vice, Professora Elizabeth Schmidt. Quando assumimos a Prefeitura em 2013, Ponta Grossa era uma das cidades mais endividadas do Brasil e encerramos a nossa gestão com dinheiro em caixa. Vamos entregar o governo com uma cidade sadia economicamente. Com o aumento da arrecadação e a chegada de novas indústrias, o futuro do município pretende ser ainda mais promissor. Tenho orgulho da minha equipe e de todos os cidadãos que nos ajudaram a transformar Ponta Grossa ao longo destes anos.

Assista:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts