Ponta Grossa

PG já entregou mais de 100 mil mudas de hortaliças em 2020 com programa ‘Horta em Casa’

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SMAPA) realizou no primeiro semestre deste ano a entrega de 118.200 mudas de hortifrútis para a população ponta-grossense. De acordo com os dados apresentados pela pasta, 24 comunidades e instituições foram atendidas ao longo do ano e cerca de 1,1 mil famílias foram beneficiadas com o programa ‘Horta em Casa’.

Conforme o secretário Bruno Costa, os resultados são positivos, levando em conta que as entregas ficaram suspensas por quase dois meses para evitar aglomerações e diminuir o risco do contágio do novo coronavírus. “As mudas possuem um ciclo para crescer e serem colhidas. Então as que entregamos em março e abril já estão aptas para o consumo nesses meses de junho e julho. Essas ações permitiram que muitas famílias pudessem se alimentar com produtos frescos, saudáveis e sem custos durante um período da pandemia da Covid-19”, ressalta Bruno.

Alimentação

O programa ‘Horta em Casa’ tem por intuito possibilitar que as famílias consigam produzir hortas dentro de suas casas, para consequentemente consumirem os próprios alimentos. As mudas são adquiridas com investimento da Prefeitura. Nos seis primeiros meses deste ano, dentre as comunidades atendidas destacam-se: Recanto Verde, Jardim Atlanta, Guaragi, Quero-Quero, Jardim Paraíso e Jardim Amália. Algumas instituições também foram beneficiadas, como o Departamento Penitenciário (Depen), Arautos do Evangelho e Associação Esquadrão da Vida. A média de mudas entregue por pessoa/família é 107.

Thaís Vaz, moradora do Recanto Verde é uma das pessoas que recebeu as mudas no mês de março. De acordo com Thaís, as hortaliças ainda estão sendo úteis para alimentar sua família. “Foi importante contar com esses alimentos durante a pandemia porque são produtos que não precisei comprar nos mercados. Ainda tenho algumas hortaliças, como o cheiro verde. Como resultado também tive várias alfaces bonitas que eu mesma plantei e colhi”, conta Thaís.

Programa

Tereza de Jesus, conhecida como Vó Tereza, que é moradora do bairro Quero-Quero, foi outra beneficiada com o programa ‘Horta em Casa’. Como presidente da Associação dos Moradores do bairro, Tereza fez o requerimento das mudas e 9,8 mil foram entregues para a população. De acordo com a mulher, além de beneficiar as famílias dos bairros, as mudas também contribuíram para o projeto ‘Casa da Sopa Vó Tereza’, que fornece refeições para a população economicamente vulnerável da região, atendendo cerca de 40 famílias por semana.

“Aqui no bairro nós recebemos brócolis, alface, rúcula, vários outros produtos e os moradores plantaram mesmo em suas hortas. Tem famílias que até hoje me entregam os alimentos cultivados para eu poder utilizar na sopa que preparo para as famílias carentes”, explica Tereza.

De 2016 até o início de 2020, o programa Horta em Casa já atendeu 10,9 mil famílias, distribuindo 1,2 milhão de mudas. Com a retomada do programa desde maio, as mudas são entregues para um representante do bairro. Cabe a essa pessoa, posteriormente, distribuir as hortaliças para os moradores interessados da região.

 Para participar do programa é necessário entrar em contato com líderes comunitários ou associação de moradores e contatar a SMAPA para agendar as entregas. O telefone de contato é 3220-1000, ramal 1246. (Com assessoria)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts