Ponta Grossa

Estudantes de Medicina da UEPG vão atuar nas Unidades Básicas de Saúde

Cerca de 75 estudantes do curso de Medicina da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) podem atuar nas Unidades Básicas de Saúde do Município. A possibilidade de estágio voluntário dos acadêmicos tem como base a Portaria 356, publicada pelo do Ministério da Educação na última sexta-feira (20). O documento autoriza excepcionalmente os estudantes dos dois últimos anos de Medicina a atuarem devido à pandemia do coronavírus.

“Assim que foi publicada a Portaria, que resultou de uma estratégia do Ministério da Saúde, nós prontamente nos apresentamos à Prefeitura, que coordena a ação em Ponta Grossa”, afirma o coordenador do curso de Medicina da UEPG, professor Ricardo Zanetti Gomes. Os estudantes atuarão na atenção materno-infantil, em especial o pré-natal e o acompanhamento e monitoramento dos portadores de Doenças Crônicas Não Transmissíveis.

A professora de Medicina e Diretora Acadêmica do Hospital Universitário da UEPG, Tatiana Menezes, explica que os alunos do internato atenderão pacientes portadores de doenças como diabetes, pressão alta, por exemplo, que, sem tratamento ou monitoramento, podem ter complicações e serem encaminhados para hospitais. “Isso sobrecarregaria o sistema de saúde, que se prepara para receber pacientes graves do Coronavírus”, diz.

Cooperação

O termo de cooperação dois internos por UBS, os quais atuarão sob supervisão dos professores preceptores. “Nossos alunos receberão Equipamentos de Proteção Individual da PMPG e a capacitação para correta utilização. Não haverá pagamento de bolsa, mas teremos certificação, que poderá ser utilizada nos concursos de residência”, detalha Zanetti.

O reitor Miguel Sanches Neto afirma que o momento de excepcionalidade pede união entre as instituições para um bem maior. “A Universidade fechou suas portas aos visitantes, mas está totalmente aberta a parcerias que possam minimizar os efeitos da pandemia em nossa cidade”, diz.

Tatiana Menezes Garcia Cordeiro, em mensagem aos estudantes disse que “nessa hora, a vocação de cuidar do outro, a responsabilidade da nossa profissão, o peso do juramento que vocês ainda não fizeram que salta aos olhos. Deixo já aqui o meu muito obrigada e o meu profundo respeito a cada um de vocês”. (Com assessoria)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts