Destaques

Republicanos debate chapa a vereador no sábado e busca candidatura própria à Prefeitura em PG

O partido Republicanos (ex-PBR) tem uma reunião agendada para a manhã do próximo sábado (14) em Ponta Grossa, com local ainda a ser definido. Vão participar dirigentes municipais e estaduais da sigla, com o objetivo de debater a formação da chapa a vereador. Já em relação à disputa pela Prefeitura, a legenda busca um nome viável para lançar candidatura própria, assim como deve acontecer nas demais cidades polo do Paraná. As informações foram passadas ao Doc.com nesta quarta-feira (11) pelo secretário-geral do Republicanos, Gilson Santos (foto), atual chefe da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec).

“Temos o objetivo de apresentar candidatos do partido a prefeito nas cidades acima de 200 mil habitantes, em que a disputa eleitoral conta com espaço na televisão e tenha segundo turno, como é o caso de Ponta Grossa. Por isso, no momento vamos debater a questão da chapa a vereador, filiar lideranças até dia 03 de abril [prazo final de filiações com fins de candidatura], e somente depois vamos definir a questão da eleição para Prefeitura”, expôs Gilson.

O secretário-geral ressaltou que o partido já tem pré-candidaturas definidas em Curitiba, com o deputado federal Luizão Goulart, ex-prefeito de Pinhais; em Guarapuava, com a biomédica Janaína Naumann; em Foz do Iguaçu, com o empresário Phelipe Mansur, e que trabalha para ter candidato em Ponta Grossa, Londrina e Maringá.

Duas lideranças

Indagado quem seria o nome o Republicanos em Ponta Grossa para uma candidatura a prefeito, Gilson disse que existem conversas com duas lideranças, mas que prefere manter em sigilo neste momento, para evitar possíveis assédios de outras legendas.

Atualmente, o partido conta com um vereador na Câmara de Ponta Grossa, o Pastor Ezequiel Bueno. Porém, já é certa a saída dele da sigla nesta janela para troca de partido. Já o vereador Vinícius Camargo, que recentemente deixou o PMB, pode vir a se filiar no Republicanos. A presidência municipal do partido está com a Pastora Adriana.

Decisão para pela direção estadual

Ainda em relação à eleição à Prefeitura de Ponta Grossa, Gilson disse que qualquer decisão a ser tomada em Ponta Grossa, passa pela direção estadual. Ele ressaltou ainda que, caso o partido opte por não lançar candidato próprio, haverá um diálogo maior com candidatos de partidos ligados ao Governo do Estado, uma vez que o Republicanos está alinhado politicamente com o governador Ratinho Junior (PSD).

“Com uma eleição sem coligação para vereador, faz todo sentido ter candidato próprio a prefeito, pois além de alavancar o nome do partido nos debates e nos espaços da propaganda eleitoral na televisão, ajuda na eleição dos vereadores”, declarou Gilson, enfatizando que o Republicanos tem a quinta maior bancada de deputados federais em Brasília e, portanto, também o quinto maior tempo de televisão nas eleições. “Não existe acordo com qualquer outro pré-candidato a prefeito em Ponta Grossa no momento”, finalizou o secretário-geral do Republicanos.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts