Ponta Grossa

Melhorias no Aeroporto Sant’Ana são apresentadas na ACIPG

A Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) contou com a presença de Victor Hugo, superintendente do Aeroporto Comandante Antônio Amilton Beraldo, também conhecido como Aeroporto Sant’Ana e do executivo de contas da Voepass, Matheus Giaculi. Os convidados discorreram sobre melhorias na infraestrutura e nas novas linhas aéreas em funcionamento.

Hugo explanou sobre o crescimento do Aeroporto em relação a sua estrutura. Ele disse que foram recebidos R$ 35 milhões da Secretaria de Aviação Civil (SAC) para ampliação do terminal de passageiros, pátio de aeronaves, estacionamento, entre outros. Além disso, explicou que atualmente são três operações diárias, uma pela manhã e outro a noite pela Voepass (Ponta Grossa – Congonhas) e no período da tarde, pela Azul, com voo para Campinas, bem como que já está previsto para 29 de março o início dos voos para Foz do Iguaçu.

“Hoje temos tudo o que um grande aeroporto tem. Desde a parte de inspeção de passageiros, mesmo na parte estrutural de pousos e decolagens das aeronaves. Além disso, contamos com toda a segurança que o aeroporto tem tanto para operações diurnas, quanto noturnas”, ressalta.

Voepass

Giaculi conta que a Voepass é a mais antiga empresa aérea brasileira em operação e oferece opções de voos para 47 destinos no Brasil. Segundo ele, são ofertadas operações em codeshare, em parceria na comercialização de bilhetes com outras empresas aéreas.

O representante da Voepass disse que é uma satisfação para a empresa prestar serviços em Ponta Grossa. “Agradecemos o carinho e a receptividade e ficamos felizes em prestar um atendimento de qualidade para a cidade”, disse o executivo.

O presidente da ACIPG, Douglas Taques Fonseca, parabenizou o trabalho realizado no aeroporto, como também deu as boas-vindas para a Voepass em Ponta Grossa. Fonseca salienta que as mudanças recentes foram benéficas não apenas a cidade, mas para a região do Campos Gerais, além da infraestrutura que resulta num maior conforto para os passageiros, também pelos horários de voos para Congonhas.

“Os voos para Foz do Iguaçu também é um incremento para a economia local, considerando que ficou mais fácil trazer turistas de Foz para Ponta Grossa”, finaliza Fonseca. (Com assessoria)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts