Ponta Grossa

‘Mutirão da Prefeitura’ chega ao Costa Rica

Na tarde de sexta-feira (9) a Prefeitura de Ponta Grossa realizou uma série de ações assistenciais para os moradores da comunidade do Costa Rica e região, por meio do projeto “Mutirão da Prefeitura”. A atividade foi desenvolvida através da Secretaria Municipal de Políticas Públicas Sociais (SMPPS) e da Fundação Municipal de Assistência Social (Faspg) e contou com a participação de mais de 10 secretarias e entidades parceiras.

A ação aconteceu ao lado da Unidade Básica de Saúde (UBS) do residencial e teve a presença de estandes de todos os parceiros, oferecendo orientações sobre os serviços;cadastros pela agência do trabalhador; unidades móveis do CRAS realizando atualizações e novos cadastros do CadÚnico;  Banho Solidário; Ônibus da Vacina ofertando exames rápidos de diabetes, aferindo pressão e outros; caminhão da Feira Verde;  brinquedos infláveis para recreação infantil disponibilizados através da Fundação Municipal de Esportes (Fundesp); programa Varal Solidário e corte de cabelo pelo Serviço de Obras Sociais (SOS) e distribuição de lanches.

“O objetivo do Mutirão é concentrar serviços e integrar a população a eles. Trazendo toda essa estrutura até os bairros nós descentralizamos o acesso a serviços básicos promovendo um dia produtivo para as famílias da região que recebem informações de qualidade e de vários seguimentos e iniciativas desenvolvidas pela Prefeitura”, explica a Presidente da Faspg e Secretaria da SMPPS, Simone Kaminski.

Atendimentos

Entre os atendimentos foram disponibilizadas 2.000 peças de roupas através do Varal Solidário, distribuídos mais de 500 kits de lanches, efetuados centenas de cadastros em programas como o CadÚnico e Mercado da Família, realizados 75 cadastros na Agência do Trabalhador e ofertados 327 kg de frutas e verduras para a troca, através do programa Feira Verde. Além disso, foram distribuídas as chamadas “sacolas emergenciais”, cestas de alimentação básicas destinadas às pessoas que já possuem o CadÚnico e estão em situação de extrema vulnerabilidade social.

“Nossa região tem muitas famílias carentes que necessitam de roupas, de alimentos, que precisavam fazer o cadastro no CadÚnico, precisavam de outros serviços da Prefeitura, mas que em muitos casos não tinham dinheiro para ir até os locais. Então, para nós é muito bom e importante. A Prefeitura está de parabéns por essa atividade”, afirma a moradora da região, Salete Faustino de Lima.

Participaram da ação a Companhia Pontagrossense de Serviços (CPS), Agência de Fomento Econômico de Ponta Grossa (Afepon), Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT), Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar), Fundações de Esporte (Fundesp), de Assistência Social (Faspg), de Turismo (Fumtur), de Saúde (FMS) e de Cultura, e secretarias municipais de Governo (SMG), Cidadania e Segurança Pública (SMCSP), Indústria, Comércio e Qualificação Profissional (SMICQP), Meio Ambiente (SMMA), Políticas Públicas Sociais (SMPPS), Administração e Recursos Humanos (SMARH), Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SMAPA), Educação (SME), Serviços Públicos (SMSP) e Infraestrutura e Planejamento (SMIP). A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), o Serviço de Obras Sociais (SOS) e a Defesa Civil. (Com assessoria)

Confira outros Posts