Destaques Ponta Grossa

Concessão do Parque de Vila Velha é discutida na ACIPG

A reunião da Diretoria da Associação Comercial, Industrial e Empresarial (ACIPG) desta segunda-feira (6), a contou com a explanação do diretor de Turismo da instituição e membro do Conselho Gestor do Parque Estadual de Vila Velha, Daniel Wagner, sobre o processo de concessão de áreas pelo Governo do Paraná. Uma consulta pública será realizada pela internet até dia 20 de agosto e uma audiência pública acontece no dia 15, em Ponta Grossa, para discutir o tema com a população ponta-grossense.

Wagner comentou que o assunto já é debatido com o governo estadual desde 2002, tendo uma nova tentativa frustrada em 2011, mas que agora em 2019, está confiante que a concessão dos serviços relacionados ao turismo no Parque se tornará uma realidade.

“Enquanto representante no Conselho Gestor, acredito em um novo momento para Vila Velha, tanto pela boa vontade política, como também pela conscientização da importância da medida por órgãos ambientais, como de turismo, pensando no desenvolvimento turístico na região, a agregada a preservação ambiental”, disse.

O diretor ressalta que de acordo com o Governo do Estado, a intenção é conceder por 30 anos, área pré-estabelecida do Parque Estadual de Vila Velha à iniciativa privada para que desenvolva atividades de uso público e turismo, visando a melhoria da qualidade de visitação aos atrativos da unidade.

“Não seria uma privatização, mas sim uma concessão em que o Instituto Ambiental do Paraná continuará o órgão administrador e responsável pela política pública do local e por monitorar se a gestão da concessionária está obedecendo o plano de manejo”, salienta.

Enquanto liderança do Turismo em Ponta Grossa, Wagner ressaltou que há muito tempo está comprovada a ineficiência do estado para a utilização do Parque como atrativo turístico, para Ponta Grossa e por consequência para a região.

“Para uma empresa, cada ingresso vendido faz diferença, por isso promoverá o Parque, o que fará com que mais pessoas venham visitar o município”, avalia o diretor, que complementa que isso atuará diretamente no fomento do turismo também fora do Parque.

Wagner comentou que acontece no site da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo uma consulta pública sobre o tema, como também que será realizada uma audiência pública no dia 15 de agosto, às 14h30, no Sebrae Ponta Grossa, para que a população participe do processo de decisão e discuta as pautas levantadas nas manifestações referentes à consulta pública.

“Se tudo correr bem e se em setembro for publicado edital, em julho do próximo ano, poderemos contar com um novo modelo de Parque Estadual de Vila Velha, que trará desenvolvimento para o turismo em Ponta Grossa. A concessão deverá ser nos moldes similares à que ocorre no Parque Nacional do Iguaçu”, finaliza Wagner. (Com assessoria)

Confira outros Posts