A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), em parceria com o Sebrae/PR e a Associação das Microcervejarias de Ponta Grossa, lançou nesta quarta-feira (22) a ‘Rota da Cerveja’ no município. A iniciativa tem o objetivo de fomentar o turismo e os setores ligados à produção cervejeira e de serviços, oferecendo uma experiência diferenciada com produtos de alta qualidade. O produto turístico integra sete cervejarias de Ponta Grossa que são a OAK Bier, Brauerei Schultz, Strasburger, Palais, Trem Fantasma, Koch Bier e Partner.

De acordo com o Secretário de Turismo, Edgar Hampf, o projeto nasceu da necessidade de Ponta Grossa dispor de produtos turísticos adequados e formatados com base nas características da cidade.

“Temos um potencial turístico muito grande e pouca exploração organizada. Então, o que fizemos, em um primeiro momento, foi organizar a exploração desse produto, pois as cervejarias já existiam, elas só precisavam ser preparadas para receber visitantes em série. Com cooperação dos empreendedores, do Sebrae/PR, criamos um produto único, que várias operadoras já mostraram interesse em adquirir. Pretendemos alavancar não só o movimento cervejarias em si, mas também do trade de apoio – transporte, guiamento, agendamento – e a rede hoteleira local”, aponta Hampf.

Parcerias

Durante o evento, a vice-prefeita Elizabeth Schmidt destacou a importância do projeto e das parcerias feitas com o objetivo de fortalecer o turismo na cidade. “A Rota da Cerveja era um grande sonho de muitas pessoas da cidade. Fico muito contente em termos a parceria com diversos setores, com os empresários que acreditaram nisso, que investiram nisso, assim como o Sebrae/PR que tanto ajudou a Prefeitura a realizar esse projeto para Ponta Grossa. Nós temos o que mostrar e o que vender na nossa cidade, então isso é importantíssimo para a área do turismo, com certeza”, declarou.

O produto Rota da Cerveja tem como operador oficial a BrazylWay. “Fechamos essa parceria com a Associação das Microcervejarias dos Campos Gerais. Inicialmente, o foco é o turismo de negócios, com pacotes semanais, no período noturno, ou aos finais de semana, com a disponibilidade de compra online”, diz a diretora da BrazylWay, em Ponta Grossa, Thais Pius. Os pacotes deverão ser comercializados a partir de julho, com possibilidade de produtos personalizados para universidades – com foco na área técnica, grupos de agências, entre outros.

Visibilidade

A expectativa por parte da Associação das Microcervejarias dos Campos Gerais é ter ainda mais visibilidade no mercado. Conforme o presidente da Associação, Ricardo Carvalho, o Paraná conta apenas com duas rotas voltadas para o mercado da cerveja artesanal, sendo uma em Curitiba e outra em Pinhais. “É um passo à frente. Cada um dos empreendimentos vai se destacar por suas particularidades diante de um mercado tão desafiador”, comenta.

Já o Sebrae/PR tem o papel de auxiliar no planejamento e monitoramento das ações identificadas conjuntamente com os participantes, focando na certificação e acesso ao mercado da Rota da Cerveja de Ponta Grossa. A ideia, conforme explica a consultora do Sebrae/PR, Nádia Joboji, é trabalhar a formatação de novos produtos e serviços, bem como oportunidades de negócios aliados à inovação, proporcionando excelência na experiência e vivência do turista nas cervejarias.

“Queremos aumentar a competitividade dos empreendimentos participantes da Rota da Cerveja de Ponta Grossa e consequentemente fortalecer o destino turístico de Ponta Grossa com esse movimento”, completa a consultora.

Como funciona a Rota da Cerveja?

A Rota da Cerveja oferece aos interessados uma experiência diferenciada, com visitas guiadas a sete cervejarias de Ponta Grossa – OAK Bier, Brauerei Schultz, Strasburger, Palais, Trem Fantasma, Koch Bier e Partner -, em cinco locais diferentes.

De acordo com o secretário de Turismo de Ponta Grossa, Edgar Hampf, as visitas estarão disponíveis já nos próximos dias, sendo possível adquirir pacotes para visitas de três ou quatro cervejarias em cada saída, com opções de transfer. “Teremos visitas sendo realizadas de terça-feira a sábado, com a possibilidade de o turista conhecer até quatro cervejarias por saída, contando com visita guiada e degustação”, explica. Além dessas opções, Hampf também destaca que é possível agendar visitas diretas com as cervejarias.

“Queremos oferecer diversas possibilidades para que as pessoas conheçam as microcervejarias da cidade e tenham acesso a esses produtos de excelente qualidade. No caso das visitas diretas, elas poderão ser agendadas exatamente como as outras, através dos canais oficiais da Rota da Cerveja disponíveis nas redes sociais – Facebook (/rotadacervejapg) e Instagram (@rotadacervejapg) – e, em breve, por meio de um site específico”, completa. (Com assessoria)

Atualizada às 17h18

Confira outros Posts