Ponta Grossa

Estudo: Aeroporto de PG avança para receber aeronaves de maior porte

Na tarde desta quarta-feira (08), o prefeito Marcelo Rangel e o secretário e Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, José Loureiro, receberam no Aeroporto Municipal Comandante Antônio Amilton Beraldo, representantes da Organização da Aviação Civil Internacional (ICAO), da Secretaria de Aviação Civil (SAC) e da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), em uma reunião referente ao estudo em condução para operação de aeronaves maiores no aeródromo municipal.

Esta é a segunda parada da comitiva, que no início da semana esteve no Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, em Chapecó, Santa Catarina. De acordo com o diretor do Departamento de Investimentos do DIAR/SAC, Eduardo Bernardi, trata-se de visitas técnicas em dois aeroportos com potencial para ampliação de voos comerciais e nos quais o grupo trabalha em projetos de viabilidade. O projeto é uma parceria da SAC com a ICAO e a ANAC e visa analisar as condições físicas para ampliação dos voos através de aeronaves maiores.

Além da apresentação, os membros da comitiva percorreram o Aeroporto Sant’Ana e conheceram a estrutura, restrições, o tráfego, fluxo de passageiros e a demanda. De acordo com o presidente do Painel de Operações e Projeto de Aeródromo do ICAO, Jean-Louis Pirat, “o trabalho em conjunto tem como objetivo mitigar os riscos de navegação, através de soluções simples para voos seguros com aeronaves maiores”.

Ampliação

Para o prefeito Marcelo Rangel, a possibilidade de ampliação de voos é de grande importância para o município. “Ponta Grossa virou um polo industrial e que está em crescente ampliação. O próprio interesse em estudar nosso aeroporto como potencial para receber aeronaves maiores demonstra isso. Com a conquista de mais voos, beneficiaremos tanto os ponta-grossenses que utilizam o serviço, como os moradores da região”, afirma.

Victor Hugo Oliveira, superintendente do Aeroporto Sant’Ana, enfatiza que o momento é ímpar para o aeródromo, que atende com excelência todas as 23 cidades da região.

Na ocasião, Eduardo Bernardi informou ao prefeito municipal que está em processo de licitação a rampa coberta para uso das pessoas com deficiência na saída das aeronaves, e que deve ser entregue em breve. A partir da visita, a equipe realizará um manual de análise de riscos para mostrar a viabilidade do projeto. (Com assessoria)

Confira outros Posts