Destaques Política TV Doc

Governador autoriza obras que somam R$ 14,2 milhões em Carambeí

O município de Carambeí recebeu nesta sexta-feira (29) a autorização do governador Carlos Massa Ratinho Junior para o início de duas obras bastante aguardadas pela população: a construção da sede própria da Prefeitura e a pavimentação da estrada que liga a PR-151 à localidade de Catanduvas.

Os investimentos somam R$ 14,2 milhões, dos quais R$ 11,5 milhões serão repassados pelo Governo do Estado por meio das secretarias do Desenvolvimento Urbano e da Infraestrutura e Logística. O restante – cerca de R$ 2,7 milhões – virá de contrapartida da administração municipal.

No encontro com o prefeito Osmar Blum, lideranças locais e a comunidade de Carambeí, o governador afirmou que o Estado vai priorizar investimentos estratégicos para potencializar a infraestrutura e o atendimento à população.

“São dois pleitos antigos que conseguimos atender logo nesse início de Governo em função de todo enxugamento que fizemos na máquina pública. Também é um esforço de cooperar com os municípios, porque atualmente eles têm capacidade limitada de investimento”, afirmou Ratinho Junior.

Desenvolvimento industrial

Ele também pontuou que os Campos Gerais têm crescido exponencialmente nos últimos anos e que o desenvolvimento industrial das cidades da região ajudam todo o Paraná. “Muitas indústrias têm vindo para a região e o Governo precisa prover a infraestrutura mínima necessária, além de gerar qualidade de vida e segurança nas estradas”, acrescentou.

O governador voltou a frisar que o Estado pensa a infraestrutura a médio e longo prazo, citou o envolvimento de 3,5 mil quilômetros de rodovias paranaenses e quatro aeroportos no pacote de concessões do governo federal e disse que o planejamento do Governo passa por transformar o Estado no centro logístico de exportação da América do Sul.

Prefeitura

A nova sede da Prefeitura ficará na Rua Projetada, Jardim Europa, e custará R$ 7,3 milhões. Cerca de R$ 3 milhões foram disponibilizados a fundo perdido, R$ 2 milhões são do Sistema de Financiamento dos Municípios, linha operacionalizada pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Fomento Paraná. Outros R$ 2,3 milhões representam a contrapartida municipal da obra.

A sede própria é reivindicação antiga na região porque o prédio vai concentrar todos os órgãos municipais e garantirá melhor atendimento e mais conforto à população. Atualmente a estrutura administrativa de Carambeí opera em locais diferentes, o que causa transtorno ao cidadão quando ele busca os serviços municipais.

Além disso, a prefeitura aluga nove imóveis para suprir essa estrutura, incluindo o que abriga o próprio Paço Municipal. O gasto anual com aluguéis é de R$ 600 mil.

Moderna

O secretário de Desenvolvimento Urbano, João Carlos Ortega, destacou que o prédio terá toda estrutura necessária para atender a população. “As obras preveem uma prefeitura moderna, capaz de uma boa performance, com dois pavimentos e mais de 4,7 mil metros quadrados de construção”, declarou.

O prefeito Osmar Blum afirmou que a obra começa em abril. “Desde 1997 ocupamos espaços alugados. Para Carambeí, que é um município jovem, é momento de felicidade iniciar essa construção, que é a casa do povo. Vai diminuir os aluguéis, modernizar a administração e fazer sobrar mais dinheiro para aplicar em saúde, educação, pavimentação e segurança”, completou.

Estrada

Os recursos do Estado também contemplam a pavimentação de 6,28 quilômetros da Estrada do Catanduvas – são R$ 6,5 milhões do Governo e o restante em contrapartida municipal. Esta é a principal ligação do Centro da cidade à localidade de Catanduvas. O asfaltamento trará mais conforto e segurança aos moradores, especialmente para estudantes da escola rural e frequentadores do posto de saúde local.

A modernização da estrada também vai beneficiar o agronegócio e o turismo por conta de um alagado que faz divisa com Ponta Grossa. “Temos nessa região mais de 2 mil pessoas, 200 propriedades rurais, a maior empresa exportadora de pinus do Brasil. A Estrada conta com trânsito muito intenso de automóveis, caminhões, tratores, em condições muito precárias. Esse investimento vai beneficiar aproximadamente cinco mil pessoas, entre moradores e aqueles que frequentam”, declarou o prefeito.

Além da agricultura familiar, os moradores do distrito produzem milho, soja e abastecem uma pequena indústria leiteira. O secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, afirmou que a obra é fundamental para os Campos Gerais e o Estado. “Estamos falando de escoamento de safra, produtores que precisam de condição melhor. São obras que a população estava esperando há décadas”, destacou.

Participações

Estiveram presentes na cerimônia que oficializou os repasses a deputada federal Aline Sleutjes; os deputados estaduais Mabel Canto e Plauto Miró; e os prefeitos José Sloboda (Jaguariaíva), Marcelo Rangel (Ponta Grossa), Moacyr Fadel Junior (Castro), Luiz Carlos Blum (Ipiranga) e Nelson Pezinho (Sengés). (Com informações da Agência Estado)

Assista a entrevista com o governador Ratinho Junior em Carambeí:

Mais entrevistas no nosso canal no Youtube:

Confira outros Posts