Ponta Grossa

UEPG e Prefeitura oficializam parceria para construção de Centro de Treinamento

O reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Miguel Sanches Neto, assinou nesta terça-feira (08) o termo de cooperação com a Prefeitura Municipal de Ponta Grossa para a instalação de um Centro de Treinamento para as categorias de base do Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC).

A iniciativa da UEPG concretiza o primeiro Centro de Treinamento de uma equipe de futebol profissional em uma universidade. No próximo dia 27, data da partida entre Operário e Cascavel pelo Campeonato Paranaense, a equipe deve assinar a parceria para o início das atividades no campus Uvaranas.

As obras da Prefeitura no campus iniciam nos próximos dias e incluem a reforma e a construção de dois campos de futebol. Equipamentos e recursos humanos do município serão empregados para as atividades. Segundo Miguel Sanches Neto, o projeto fortalece a relação da UEPG com a comunidade externa, além de permitir a participação dos alunos no acompanhamento de crianças e adolescentes que desejam avançar no esporte.

Estrutura

O reitor destaca que a universidade já possui uma estrutura esportiva que pode auxiliar o Operário, e que com as novas obras ela se tornará suficiente para o desenvolvimento das categorias de base, necessário para o time que chegou à segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

“A área utilizada deve ser de uso compartilhado com a UEPG, configurando em melhorias para os próprios acadêmicos”. Outra contribuição da parceria está em fortalecer o projeto Campus Parque. “Ocupando um local não utilizado, a construção do Centro de Treinamento traz um efeito de segurança”, conclui.

Projeto com Operário existe há dois anos

O Departamento de Educação Física (Dedufis) e a Coordenadoria de Desportos e Recreação (CDR) tem colaborado com o Operário desde 2017, quando iniciou o projeto de avaliação física dos jogadores da equipe principal no período de pré-temporada. Estudantes do bacharelado em Educação Física, mestres e egressos participaram das duas edições.

No final de 2018, a UEPG obteve o recurso de R$ 49.445,70 através do edital do Programa Estadual de Fomento e Incentivo ao Esporte (PROESPORTE). O valor deve auxiliar na realização de avaliações físicas em atletas das categorias de base, com a aquisição de equipamentos e software para o CDR. (Com assessoria)

Confira outros Posts