Destaques Política

“Cumpri meu dever com responsabilidade e transparência”, diz Cida Borghetti

A governadora Cida Borghetti defendeu nesta sexta-feira (28) as ações de governo e disse que encerra sua gestão com o “coração e alma leves” e que a transição está ocorrendo “com lisura e transparência”. “Eu estou com o coração e alma leves, com o dever cumprido, com muita responsabilidade e transparência. Assim que cheguei, criei a divisão de combate à corrupção e varri para fora do governo a corrupção”.

Cida agradeceu aos servidores e reforçou que todos os atos de seu governo foram transparentes e marcados pelo diálogo. “Um governo que trabalhou de domingo a domingo, sem olhar para o relógio, mas olhando as metas e cumprindo todas as etapas e compromissos. Agradeço a oportunidade de ter servido ao meu Estado como a primeira mulher governadora da sua história”.

“Quero fazer a manifestação de toda a legalidade dos nossos atos. O governo é digital e a população toda pode acompanhar. Eu priorizei a desburocratização, o governo digital e primo pela transparência.”, completou.

Auditoria

A governadora reafirmou que todas as contas estão abertas a qualquer tipo de auditoria. “O governo federal está fazendo da mesma forma (a auditoria), os outros Estados também. A próxima equipe, a qual está retornando ao governo, todos eles, chefe da Casa Civil, governador eleito, foram secretários do governo anterior, do governador Beto Richa. Então, eles podem fazer auditoria do seu próprio governo também”, disse.

A transição está correndo, segundo Cida Borghetti, com muita lisura e transparência. “Estão todos lá dentro do Palácio, nas secretarias. Eles já estão fazendo a transição desde o dia 19 de novembro. Já estão com todos os documentos, as tratativas que foram firmadas, convênios. Tudo com a maior transparência e normalidade para o bem da população e do Estado”.

Dragagem – Sobre a dragagem do Porto de Paranaguá, Cida disse que a licitação foi lançada em janeiro com todas as tratativas e licenças ambientais. “Todas as etapas foram vencidas e o mais importante: a garantia da manutenção da dragagem nos próximos cinco anos. “.

“O Paraná é um estado agrícola e que precisa da agilidade e da rapidez, faz parte da modernidade, do processo e era preciso concluir as etapas. No dia 19 de dezembro, estava tudo pronto para a assinatura e o que foi firmado “, completou.

Promoções

Quanto a promoção e elevação da carreira dos praças da PM, Cida lembrou que o processo ocorrer desde o primeiro semestre e defendeu a valorização do trabalho dos policiais. “São homens e mulheres que colocam suas vidas diuturnamente para proteger a população. Nada mais justo do que reconhecer o trabalho e a luta dos policiais militares do Paraná. Isso estava parado há nos e nós demos agilidade e o reconhecimento a 1,4 mil homens e mulheres da Polícia Militar”.

“Tudo dentro da transparência e da legalidade. A promoção no dia 19 de agosto atendeu 700 policiais e no 19 de dezembro mais 700 policiais militares tiveram o reconhecimento das suas carreiras”, completou. (Com assessoria)

Confira outros Posts