Destaques Política

Beto Richa deve se afastar do PSDB e abrir caminho para renovação

O ex-governador Beto Richa deve pedir afastamento da presidência do PSDB do Paraná. Segundo informações que vêm da capital do estado, o pedido tende a ser apresentado ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ainda nesta semana. Com isso, o ex-governador se ‘entrega por bem’ em meio a um inferno astral, com passagem inclusive pela prisão, e abrirá espaço para renovação no comando da legenda.

Quem deve assumir o partido é o vice-presidente, deputado estadual Ademar Traiano, que ficará responsável por conduzir o processo eleitoral do PSDB paranaense, a ser realizado primeiro semestre de 2019.

Quem está cotado para assumir o comando do ninho tucano é o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, que ganha força no partido após articular um grupo de renovação, já conhecido com os ‘cabeças pretas’. Tal grupo conta ainda com o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, e o deputado estadual reeleito Paulo Litro, entre outros – ver matéria.

Confira outros Posts