Destaques

Programa de Resistência às Drogas forma mais 624 alunos em Castro

O Programa de Resistência às Drogas e à Violência, Proerd, formou na sexta-feira (07) mais 624 alunos de escolas municipais de Castro. A solenidade foi realizada no Ginásio de Esportes Padre José Pagnacco com a presença de autoridades civis, militares e pais de alunos.

Com o grito de Guerra “Hoje é dia de Proerd”, os alunos fizeram o juramento, cantaram o hino do Proerd e receberam o leão Daren, mascote do programa. Os representantes das escolas que tiveram as redações selecionadas receberam prêmios. Duas redações foram lidas para os presentes, e para os diretores foram entregues certificados.

O subcomandante da Patrulha Escolar Comunitária, Mauro Cesar Marcondes, destacou o trabalho feito pelos professores. “É um trabalho incansável para ensinar e educar nossas crianças para garantir o futuro delas. Vocês são os nossos mestres”, disse.

A secretária municipal de Educação, Rejane de Paula Nocera, destacou que lições do Proerd conscientizam as crianças, preparando-as para resistirem às drogas e à violência. “É sempre uma alegria ver que os alunos recebem o Proerd da melhor forma possível, aprendem e levam o aprendizado para uma vida toda. É uma parceria com a Polícia Militar que muito nos honra”, ressaltou.

O secretário de Gestão Pública, Mauricio Fadel, parabenizou todos os envolvidos no programa. “Esse é um projeto importante para a educação das nossas crianças, que são o futuro da nossa cidade”, destacou.

Programa

O Proerd é uma parceria entre a Polícia Militar do Paraná, secretarias municipais de Educação e rede de ensino particular. Em um trabalho conjunto, oferece atividades educacionais em sala de aula durante um trimestre letivo. São dez lições de uma cartilha para prevenir o uso indevido de drogas entre crianças e adolescentes, além de abordar também sobre violência e bullyng.

As lições reforçam a autoestima, ensinam como lidar com as tensões relativas às drogas, e promovem a civilidade. As aulas acontecem uma vez por semana nas escolas, são interativas e os alunos desenvolvem atividades como teatro e música.

O Proerd começou em 1983 como um programa de parceria entre o Departamento de Polícia de Los Angeles e o Distrito Escolar daquela cidade, recebendo o nome de Drug Abuse Resistence Education. Este esforço cooperativo guiado por dados estatísticos que mostraram alta eficiência do programa de prevenção baseado na tomada de decisões, estabelecimentos de valores e redução de problemas e estilos de vida e incentivo à atividades positivas.

O programa está presente em 50 países. Desenvolvido pela Polícia Militar, atualmente funciona em todos os estados brasileiros. No Paraná, as atividades iniciaram em 1999 e já alcançaram mais de 1,5 milhão de alunos. (Com assessoria)

Confira outros Posts