Destaques Ponta Grossa

Prefeitura premia as 40 maiores empresas de Ponta Grossa

Valorizar quem mais gera emprego e renda em Ponta Grossa. Essa é a intenção da premiação “40+”, evento promovido pela Prefeitura Municipal desde o ano passado que teve a sua segunda edição realizada na noite de segunda-feira (03). A cerimônia foi organizada pela Secretaria Municipal de Governo, através da Assessoria de Comunicação, e teve como palco a sede regional Sicredi Campos Gerais.

Foram cinco categorias certificadas, sendo quatro em formato de ranking e uma de reconhecimento público, que homenageou 13 empresas e instituições que investiram nas áreas de esportes, turismo, cultura, meio ambiente e assistência social em 2017.

Os rankings premiaram as 10 maiores geradoras de valor adicionado nos setores da Indústria, Comércio e Serviços e as dez maiores contribuintes no recolhimento do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), todos referentes ao ano-base de 2017. Os primeiros lugares foram conquistados, respectivamente, pelas empresas Tetra Pak, Supermercados Tozetto, Expresso Princesa dos Campos e CCR Rodonorte, que além do certificado também receberam, pelo segundo ano consecutivo, troféus comemorativos.

O prefeito e Secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, Marcelo Rangel, destaca que o prêmio é técnico por divulgar a classificação com base em dados. “Não foi um júri que escolheu essas empresas, foram os resultados delas próprias. Nossa cidade tem crescido graças à confiança de todos os que acreditam na nossa cidade como um bom ambiente para os seus negócios”, avalia Rangel.

Já em relação ao reconhecimento público aos apoiadores de projetos da gestão pública, a vice-prefeita, Elizabeth Schmidt, acredita que funcione como um incentivador à participação de novos parceiros. “Temos que reconhecer quem apoia a comunidade através de projetos diversos, tanto para agradecer pelo seu apoio e consciência social quanto para incentivar aqueles que ainda não participam a também contribuírem”, disse Elizabeth.

Dados

O valor adicionado (VA), conforme explica o secretário de Fazenda, Cláudio Grokoviski, é calculado pela diferença entre as vendas brutas e o total dos insumos ou adquiridos por terceiros. “É a soma do número de cada setor que forma o Produto Interno Bruto (PIB), e as trinta empresas certificadas nesta noite na categoria VA representam 48,62% do PIB de Ponta Grossa referente aos geradores de ICMS”, afirma Grokoviski.

O gestor também aponta a alta nos índices econômicos da cidade nos últimos anos. “O acumulado do valor adicionado de todos os setores mostra que Ponta Grossa teve um crescimento superior à média nacional, de 2,5%, enquanto o Brasil registrou alta de 1%. Outro número importante é a projeção do repasse de ICMS aos municípios: em 2019 devemos ultrapassar Foz do Iguaçu, que possui a usina hidrelétrica, com uma alta de 2,74% no índice de cálculo para distribuição do imposto em 2019”, aponta Grokoviski.

Conforme já divulgado na última semana, do VA da indústria – de R$ 4,7 bilhões – 79,19% corresponde às dez maiores empresas do setor; do comércio, do total de 1,85 bilhão, 17,83% é referente às 10+ da categoria e dos serviços as premiadas são responsáveis por 16,77% do total de R$ 1,29 bilhão.

De um ano para o outro o crescimento no setor industrial foi superior a R$ 107,8 milhões, enquanto o comércio aumentou R$ 47 milhões e os serviços R$ 31,4 milhões. Já a arrecadação do ISSQN ultrapassou R$ 73,5 milhões, sendo a responsável por 10,37% da Receita Corrente Líquida (RCL) do Município – ou seja, do orçamento da Prefeitura. Desde total, 28,33% é proveniente das contribuições das dez primeiras empresas.

Premiadas

Confira a seguir todas as empresas e instituições certificadas na segunda edição do evento 40+.

Geração de valor adicionado na indústria – ano-base 2017
1º lugar: Tetra Pak
2º lugar: Ambev
3º lugar: Heineken
4º lugar: Arauco do Brasil
5º lugar: Crown Embalagens
6º lugar: Continental
7º lugar: Frísia Cooperativa Agroindustrial
8º lugar: Águia Sistemas e Armazenagens
9º lugar: LP Brasil
10º lugar: BRF

Geração de valor adicionado no comércio – ano-base 2017
1º lugar: Supermercados Tozetto
2º lugar: Supermercados Condor
3º lugar: Super Muffato
4º lugar: Grupo MM
5º lugar: Lojas Havan
6º lugar: Atacadão
7º lugar: Macponta
8º lugar: Grupo Superpão/Super Baratão
9º lugar: Rede Contorno Cidade
10º lugar: Base Forte Materiais de Construção

Geração de valor adicionado nos serviços – ano-base 2017
1º lugar: Expresso Princesa dos Campos
2º lugar: Viação Iapó
3º lugar: Costa e Teixeira Transportes
4º lugar: Del Pozo Transportes Rodoviários
5º lugar: Transportadora Novamel
6º lugar: Transportadora Buturi
7º lugar: Transportadora Schraier
8º lugar: KRM Transportes
9º lugar: Transportadora Primo
10º lugar: Apolo Transportes

Maiores contribuintes no recolhimento de ISSQN – ano-base 2017
1º lugar: CCR Rodonorte
2º lugar: Caixa Econômica Federal
3º lugar: Viação Campos Gerais
4º lugar: Banco do Brasil
5º lugar: Unopar
6º lugar: Ponta Grossa Ambiental
7º lugar: Caminhos do Paraná
8º lugar: Santa Casa de Misericórdia
9º lugar: Bsoft Internetworks
10º lugar: Colégio Sepam

Reconhecimento público pelos investimentos feitos no esporte, turismo, cultura, meio ambiente e assistência social em 2018
Justiça Federal (assistência social)
Procuradoria Federal (assistência social)
Apoiadores da Organização Amigos do HC (assistência social)
Premium Hotel Vila Velha (turismo)
Óticas Diniz (assistência social)
Versuz Produções (assistência social e meio ambiente)
Madero (esporte, cultura, turismo e meio ambiente)
DAF Caminhões (assistência social)
Planalto Palace Hotel (turismo)
Palladium Shopping Center (turismo e cultura)
Beaulieu do Brasil (assistência social)
Banco Itaú (assistência social)
Cooperativa Sicredi Campos Gerais (esporte, turismo, cultura e assistência social)

Todas as fotos do evento estão disponíveis neste link: https://we.tl/t-QrBWh5zl0k 

(Com assessoria)

Confira outros Posts