Na próxima segunda-feira (03) será realizada a segunda edição da premiação 40+, evento promovido pela Prefeitura de Ponta Grossa que reconhece as maiores empresas de Ponta Grossa por setor de atuação. Será divulgado o ranking das dez maiores geradoras de valor adicionado na indústria, comércio e serviços e as dez maiores contribuintes no recolhimento do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), sendo todos os valores referentes ao ano-base de 2017.

Conforme explica o secretário da Fazenda, Cláudio Grokoviski, o valor adicionado (VA) é calculado pela diferença entre as vendas brutas e o total dos insumos ou adquiridos de terceiros. “É a soma do número de cada setor que forma o Produto Interno Bruto (PIB), e as trinta empresas certificadas nesta noite na categoria VA representam 48,62% do PIB de Ponta Grossa referente aos geradores de ICMS”, afirma Grokoviski.

Números

Entre os VAs do município o da indústria é o que mais se destaca: é o quarto maior do estado, já que ultrapassou Foz do Iguaçu de um ano-base ao outro, e totaliza R$ 4,7 bilhões – deste valor 79,19% corresponde as dez maiores empresas do setor, que serão premiadas no evento.

Já em relação aos outros setores, o valor adicionado do comércio chegou a R$ 1,85 bilhão e o dos serviços R$ 1,29 bilhão, sendo que, respectivamente 17,83% e 16,77% são o produzidos pelas dez premiadas em cada categoria do 40+.

Comparando os números ao ano-base anterior, referente a 2016, novamente o setor industrial se destaca: o crescimento em 2017 foi superior a R$ 107,8 milhões, enquanto o comércio aumentou R$ 47 milhões e os serviços R$ 31,4 milhões. Já o acumulado de todos os setores mostra que Ponta Grossa teve um crescimento superior à média nacional, de 2,5%, enquanto o Brasil registrou alta de 1%.

ISS

Além das dez maiores empresas de cada setor também será divulgado o ranking das dez maiores contribuintes de ISSQN, tributo que incide sobre a prestação de serviços e tem seu total investido 25% na educação, 15% na saúde e 60% em outras áreas da cidade.

Em 2017 a arrecadação do ISSQN ultrapassou R$ 73,5 milhões, sendo a responsável por 10,37% da Receita Corrente Líquida (RCL) do Município – ou seja, do orçamento da Prefeitura. Desde total 28,33% é proveniente das contribuições das dez empresas que serão conhecidas na segunda-feira (3). Segundo a previsão da Secretaria da Fazenda, em 2018 o total deve subir para cerca de R$ 89,6 milhões, tendo a participação de 12,04% na RCL.

Premiação 40+

O evento será realizado nesta segunda-feira, às 19h30, na Sede Regional da Sicredi Campos Gerais. Além dos rankings também será feito um reconhecimento público de treze instituições que se destacaram junto à gestão pública em projetos esportivos, culturais e relacionados ao meio ambiente, turismo e assistência social, baseado nas atividades de 2018. (Com assessoria)

As colocações e categorias serão divulgadas apenas durante o evento. As homenageadas são:

Águia Sistemas de Armazenagem
Ambev
Apoiadores da Organização Amigos do HC
Apolo Transportes
Arauco Brasil
Atacadão
Banco do Brasil
Banco Itaú
Base Forte
Beaulieu do Brasil
BRF
Bsoft Internetworks
Caixa Econômica Federal
Caminhos do Paraná
Colégio Sepam
Condor
Continental
Costa Teixeira Transportes
Crown
DAF
Del Pozo Transportes Rodoviários
Expresso Princesa dos Campos
Frísia
Havan
Heineken
Justiça Federal
KRM Transportes
LP Brasil
Madero
Muffato
Macponta
Mercadomóveis
Óticas Diniz
Palladium Shopping Center
Planalto Palace Hotel
Ponta Grossa Ambiental
Premium Hotel Vila Velha
Procuradoria Federal
Rede Contorno Cidade
Rede Superpão
Rodonorte
Santa Casa de Misericórdia
Sicredi Campos Gerais
Tetra Pak
Tozetto
Transportadora Novamel
Transportadora Primo
Transportadora Schraier
Transportes Buturi
Unopar
Versuz Produções
Viação Campos Gerais
Viação Iapó

Confira outros Posts