Ponta Grossa

Ponta Grossa realiza Conferência para debater direitos das crianças e adolescentes

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), e a Fundação de Assistência Social (FASPG), realizaram a VIII Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente durante esta sexta-feira (09). O encontro acontece a cada dois anos. O objetivo foi mobilizar os integrantes do Sistema de Garantia de Direitos (SGD), crianças, adolescentes e a sociedade para a construção de propostas voltadas à afirmação do princípio de proteção integral de crianças e adolescentes nas políticas públicas, fortalecendo as estratégias/ações de enfrentamento às diferenças e considerando a diversidade.

“Para realizar a conferência seguimos os critérios encaminhados pelo Conselho Nacional que é trabalhado na Conferência Municipal através de uma comissão. Daqui sairão os delegados e representantes para Conferência Estadual em 2019 e depois para a Nacional. O Conselho trabalha para proteger as crianças e adolescentes, nos reunimos, discutimos ações que possam melhorar a qualidade de vida e os atendimentos”, explica a presidente do CMDCA, Cilmara de Oliveira.

Apresentação

Houve apresentação cultural com representantes da Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Visuais (Apadevi), palestra com Uilson José Gonçalves Araújo, Assistente Social, professor do curso CAPACITASUAS pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) e multiplicador do curso de Ética em Movimento do CREAS/PR e posteriormente foram formados grupos temáticos divididos por eixos. Cerca de 120 pessoas estavam envolvidas, entre elas os Conselhos Tutelares, as 36 entidades inscritas no CMDA, as Secretaria Municipais de Educação, Saúde, Cidadania e Segurança Pública, Políticas Públicas Sociais e as Fundações de Esporte, Cultura e Assistência Social.

“É sempre muito importante nós participarmos e termos conferências para que possamos discutir/debater políticas públicas para este público. A cada dia que passa Ponta Grossa trabalha com mais afinco para poder garantir o acesso e o direito a todos”, destaca a presidente da FASPG, Simone Kaminski. (Com assessoria)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts