Destaques Ponta Grossa

‘Dia do Passe livre’ amplia discussão sobre importância da iniciativa para PG

A realização do Dia do Passe Livre em Ponta Grossa mobilizou a comunidade durante todo o dia de ontem (19), ampliando a discussão e o conhecimento sobre esse importante benefício, criado em 2015, destinado a cerca de sete mil alunos de diversas instituições de ensino da cidade.

A iniciativa da Prefeitura de Ponta Grossa em promover um dia a ser comemorado anualmente, onde todos os usuários de cartões de bilhetagem eletrônica ficam dispensados do pagamento da tarifa do transporte coletivo, de acordo com o prefeito Marcelo Rangel, tem como principais objetivos relembrar a importância da consolidação do Programa Passe Livre Estudantil no município, assim como promover incentivo à migração dos usuários para o pagamento da tarifa via Cartão Transporte.

“É de extrema importância tratarmos sobre o impacto que o Programa Passe Livre Estudantil tem como ferramenta de incentivo e facilitação do acesso à educação em toda uma geração de alunos que dispõe desse benefício integralmente viabilizado através de recursos da Prefeitura de Ponta Grossa. Tenho muito orgulho de fazer parte dessa história como o prefeito que conseguiu permitir que esse direito fosse garantido aos nossos estudantes, fazendo de Ponta Grossa uma das únicas cidades do Brasil a contarem com essa iniciativa”, declara Rangel.

“Por outro lado, a criação do Dia do Passe Livre também funciona como uma maneira de incentivar a população a aderir ao Cartão Transporte, que além de agilizar o processo de embarque, também promove o aumento da segurança nas linhas do transporte coletivo, que ficam menos suscetíveis a situações lamentáveis como roubos e assaltos e melhora a fiscalização e o controle logístico do sistema. Hoje, o número de usuários que utilizam essa ferramenta é de cerca de 60% do total, o que  nos demonstra que precisamos avançar ainda mais nesse aspecto. É uma preocupação da Prefeitura de Ponta Grossa oferecer o melhor serviço e promover a mobilidade urbana, portanto, o Dia do Passe Livre vem ao encontro desses objetivos”, completa.

Benefícios e investimento no acesso à educação

Desde sua criação em 2015, o Programa Passe Livre Estudantil da Prefeitura de Ponta Grossa já disponibilizou mais de 30 mil benefícios a alunos de diversas instituições do município. O investimento total, de lá para cá, segundo dados da Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT), soma aproximadamente 8 milhões de reais.

“É uma conquista sem precedentes para o município de Ponta Grossa e que garante o acesso a uma média de aproximadamente 7 mil alunos anualmente, sem causar qualquer impacto no cálculo de repasse de custos do transporte coletivo, pois é 100% custeado com recursos do município, que adquire os créditos e doa conforme a necessidade de cada aluno atendido”, explica o prefeito Marcelo Rangel.

“Tenho duas filhas que estudam longe de casa, precisam pegar dois ônibus, e se eu fosse pagar a passagem, teria um gasto bem grande. Com esse benefício, elas podem estudar em um colégio melhor, ter uma qualificação melhor e eu posso investir em mais educação para o futuro delas”, destaca Simone Viana, funcionaria pública e mãe de duas meninas que fazem parte do Programa Passe Livre Estudantil.

Sara Viana, estudante e filha de Simone, também aponta a possibilidade de investir os recursos que seriam destinados ao pagamento da passagem como um dos aspectos mais importantes do Programa Passe Livre Estudantil. “O Passe Livre traz muitos benefícios pois o dinheiro que minha família usaria com o cartão, eu posso investir em lazer e esportes. Além disso, também tenho colegas que os pais não conseguem arcar com os custos das passagens e acabam tendo uma ajuda com o Programa Passe Livre, que acaba sendo um benefício enorme para todos que participam”.

Além do auxílio financeiro às famílias e a facilitação do acesso, o Programa Passe Livre também promove a realização de sonhos.  É o que conta Ivonete de Oliveira que possui uma filha concluindo o curso de magistério e é beneficiária do Programa. “Eu tinha o sonho de cursar magistério, mas não podia porque a minha casa ficava longe da escola e eu não tinha dinheiro para pagar o transporte.  Agora minha filha, que utiliza o Passe Livre, está se formando esse ano em Magistério. O Passe Livre ajudou muito nessa conquista e, se Deus quiser, ela também vai fazer faculdade com o Passe Livre”, declara. (Com assessoria)

Confira outros Posts