Péricles de Mello Ponta Grossa

Ponta Grossa recebe seminário internacional sobre autismo

Discutir sobre causas, tratamento, legislação, moradia assistida, preconceito, impactos na vida adulta e outras questões que envolvem o Transtorno do Espectro Autista (TEA) será o objetivo do Seminário Internacional que acontece nesta terça-feira (17) na cidade de Ponta Grossa.

Além de debatedores locais, o seminário contará com a presença de Berenice Piana e Fatima de Kwant, que vão palestrar sobre políticas públicas no Brasil tendo como comparação a Holanda, país europeu que já possui legislação desde os anos 1960. Também fará parte do seminário, a ativista e escritora Kenya Diehl, autista e mãe de autista. O evento tem previsão de início para as 19 horas, no Grande Auditório do Campus Central da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG).

A realização é resultado da parceria entre o Conselho Parlamentar de Cultura de Paz da Alep (Conpaz), Associação de Proteção aos Autistas de Ponta Grossa (Aproaut) e dos mandatos do deputados Péricles de Holleben Mello (estadual) e Aliel Machado (federal), além do vereador Pietro Arnaud.

A Assembleia Legislativa emitirá certificado de participação para pesquisadores, professores e alunos que requisitarem o documento. A entrada é livre.

Palestrantes

Fátima de Kwant é jornalista, palestrante internacional e mãe de autista, abordará o autismo adulto e moradia assistida e trará a experiência sobre autismo na Holanda, país onde vive e que já possui legislação sobre autismo.

Kenya Diehl é autista, escritora, palestrante, blogueira e mãe de autista. Ativista na luta pela conscientização do autismo, vira do Rio Grande do Sul trazendo sua vivência pessoal com o TEA.

Berenice Piana é reconhecida por sua luta em todo o território nacional. A Lei Federal sancionada em dezembro de 2014 às pessoas com espectro autista foi batizada em sua homenagem. (Com assessoria)

Foto abertura: UFA

Confira outros Posts