Política Ponta Grossa

Rudolf quer participação de detentos em obras públicas de Ponta Grossa

O vereador Rudolf ‘Polaco’ (PPS) quer que a Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) implemente o projeto ‘Mãos Amigas’. A iniciativa já é utilizada em várias cidades paranaenses e prevê a utilização de mão de obra carcerária em obras públicas como forma de reinserção social e economia aos cofres públicos. A proposta foi alvo da moção de sugestão legislativa 327/2017.

Líder do Governo na Casa de Leis, Rudolf também é autor da lei municipal 12.797, que prevê o uso de energia renovável nas obras públicas. O vereador lembra que a implementação do projeto ‘Mãos Amigas’ traria duplo benefícios ao município. “Além de darmos um oportunidade aos detentos que buscam de reinserir na sociedade, também conseguimos uma economia nas obras públicas”, contou Rudolf.

O parlamentar já realizou algumas reuniões com representantes da Justiça e da Vara de Execuções penais para discutir a viabilidade de se destinar presos para esse tipo de atividade. “Existe viabilidade para implementar a proposta, acredito que o Governo vai ter interesse em viabilizar o uso da mão de obra carcerária nas diversas atividades realizadas pela Prefeitura”, contou o vereador.

Presos recuperaram mais de 120 prédios em Curitiba

O projeto Mãos Amigas é coordenado pela Secretaria de Educação em parceria com o setor de Segurança Pública e Administração Penitenciária. Em Curitiba e região metropolitana, por exemplo, os presos que participam do projeto já recuperaram mais de 120 prédios públicos – além da reinserção social, os detentos são beneficiados por uma redução da pena. (Fonte: assessoria)

Confira outros Posts