Ponta Grossa

PG firma convênio com TRF4 para implantar Sistema Eletrônico de Informações

A Prefeitura de Ponta Grossa formalizou na última semana o primeiro passo para garantir mais agilidade e modernidade no controle e trâmite de processos internos da administração. Foi firmado um acordo de cooperação técnica com o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) para o uso do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). Com este sistema, desenvolvido pelo TRF4 e cedido sem custos, toda a gestão de processos administrativos será transferida para o meio eletrônico. Ou seja, toda a tramitação de processos internos, desde a abertura, edição, assinatura e arquivo ocorrerá virtualmente.

“Implantar um novo sistema para o gerenciamento dos protocolos da Prefeitura de Ponta Grossa é muito mais do que uma troca física, é uma revolução na dinâmica administrativa do serviço público municipal, pois teremos benefícios internos. O SEI nos proporcionará acesso remoto aos processos de qualquer parte do mundo, poderemos dar os encaminhamentos de forma remota, reduzindo o tempo que um processo aguarda em um departamento, muitas vezes dependendo de uma simples autorização”, avalia a vice-prefeita, Elizabeth Schmidt.

Gradualmente

O processo para implantação desse novo sistema ocorrerá de forma gradual. “Essa mudança não será automática. Antes de começar a usar o novo sistema, será preciso realizar o treinamento dos servidores, para dominarem o funcionamento dessa tecnologia. Os processos que já estão em aberto fisicamente, deverão ser concluídos assim. Esperamos que até o fim desse ano possamos iniciar a abertura de novos processos virtualmente, com o uso do SEI”, adianta o secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Ricardo Linhares.

Além da agilidade e modernização do trâmite administrativo, a implantação do SEI ainda representa outros ganhos, como a redução do uso de papéis e impressões, além da gestão das informações em tempo real, com segurança e preservação dos dados. O Sistema Eletrônico de Informações também permitirá novos recursos, como a geração de gráficos e outras tabulações sobre arrecadação e consumo da Prefeitura.

Um grupo de trabalho será constituído para passar por treinamento junto ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região, para apreender as ferramentas do sistema. Com o uso do SEI, o Município espera também estimular a adoção do mesmo sistema por outras prefeituras da região. O convênio foi firmado com o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), desembargador Luiz Fernando Wowk Penteado.

Sobre o SEI

A plataforma já é adotada por mais de 140 órgãos públicos do país, entre eles, o Supremo Tribunal Federal (STF), o Superior Tribunal de Justiça (STJ), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Superior Tribunal Militar (STM) e o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), além de ministérios, governos estaduais e prefeituras.

Apresenta facilidades como:

  • Acesso Remoto: em razão da portabilidade pode ser acessado remotamente por diversos tipos de equipamentos, como microcomputadores, notebooks, tablets e smartphones de vários sistemas operacionais (Windows, Linux, IOS da Apple e Android do Google). Isto possibilita que os usuários trabalhem a distância;
  • Acesso de usuários externos: gerencia o acesso de usuários externos aos expedientes administrativos que lhes digam respeito, permitindo que tomem conhecimento do teor do processo e, por exemplo, assinem remotamente contratos e outros tipos de documentos;
  • Funcionalidades específicas: controle de prazos, ouvidoria, estatísticas da unidade, tempo do processo, base de conhecimento, pesquisa em todo teor, acompanhamento especial, inspeção administrativa, modelos de documentos, textos padrão, sobrestamento de processos, assinatura em bloco, organização de processos em bloco, acesso externo, entre outros. (Fonte: PMPG)

Confira outros Posts