Política

Alysson propõe que a Sanepar asfalte ruas com ‘remendos’

Alysson Saída PPSOs desníveis no asfalto provocados após serviços da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) podem estar com os dias contados em Ponta Grossa. O vereador Alysson Zampieri (SD) apresentou o projeto de lei (PL) 411/2016 que obriga a Sanepar a pavimentar quadras que tiveram mais de 30% da área asfáltica prejudicada por obras da Companhia. Atualmente, a Sanepar realiza uma espécie de “tapa-buracos” que, na visão do vereador, prejudicam a qualidade e segurança da via.

Zampieri (SD) defende que inúmeras ruas de Ponta Grosa estão amplamente prejudicadas por intervenções feitas pela Companhia após ligações de água e esgoto. “Algumas ruas, como a Afonso Celso e a Vagundes Varela, estão intransitáveis após tantas intervenções e isso prejudica o motorista, sem falar do risco”, afirmou Alysson. Para o parlamentar, a iniciativa é importante para também garantir a qualidade asfáltica das vias

30%

Alysson argumenta que em casos em que os reparos representem mais de 30% da pavimentação de uma quadra, a Sanepar será obrigada a pavimentar integralmente o trecho. Via assessoria de imprensa, a Companhia informou que segue cumprindo a legislação em vigor e vai analisar o projeto para manifestar-se sobre o assunto. A proposta de Alysson deverá ser votada apenas em 2017.

A proposta de Zampieri prevê um prazo de 60 dias para que a Sanepar realize o recapeamento da via – caso o prazo seja descumprido pela empresa, Alysson propôs que uma multa de 15 valores de referência (VRs) seja aplicada pelo município, cifra estimada em R$ 1.050,00. “A proposta quer evitar que algumas ruas se tornem retalhos, algo que já tem acontecido na prática”, criticou Alysson.

O vereador não disputou a reeleição em 2016 e por isso não será mais parlamentar quando a proposta for votada. Mesmo assim, Alysson acredita que a medida será apreciada pelos novos vereadores e também pelos parlamentares reeleitos. “Meu irmão, Ricardo Zampieri, foi eleito e irá também abraçar essa causa, além disso conto com o apoio de vereadores que querem o melhor para a cidade”, afirmou Alysson.

A proposta de Alysson ainda terá que tramitar nas comissões internas da Casa de Leis antes de ser debatida pelo plenário do Legislativo.

2017

Além do projeto 411/2016 de Zampieri (SD), outras medidas de autoria do vereador só serão votadas nos próximo ano. No entanto, uma mudança no regimento interno da Câmara de Vereadores prevê que o presidente e as comissões possam arquivar projetos de lei. Alysson acredita que a proposta sobre as obrigações da Sanepar e outras medidas que ele propôs ainda em 2016 sejam votadas no próximo ano. (Fonte: Portal aRede!)

Confira outros Posts