Política

Mais 312 casas: Residencial Clube Cavanis traz novidades na área de sustentabilidade

O governador Beto Richa, o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, e o presidente da Cohapar, Abelardo Lupion, assinam no Palácio Iguaçu, em Curitiba, contrato para construção de 312 unidades habitacionais em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. São apartamentos do Residencial Clube Cohapar Cavanis, empreendimento que será construído em uma parceria do Governo do Paraná com o Governo Federal e prefeitura de Ponta Grossa. Esteve presente no evento a vice-governadora Cida Borghetti e demais autoridades. - Curitiba/Pr, 24.08.2016 - Foto Jonas Oliveira
O Residencial Cavanis terá 16 itens de sustentabilidade | Foto Jonas Oliveira

O Residencial Clube Cavanis, de Ponta Grossa, será construído com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O empreendimento inova ao trazer 16 itens de sustentabilidade, o que reduzirá os impactos ambientais do residencial. Os prédios terão captação de água da chuva, coleta seletiva, paisagismo com espécies nativas, luminárias externas alimentadas por energia solar, sistemas de economia de energia elétrica e água. Serão 312 unidades.

Um dos objetivos da iniciativa, que se diferencia dos tradicionais conjuntos de habitação popular, é proporcionar uma nova fonte de renda para a Cohapar. O valor obtido através da venda dos imóveis permitirá que a empresa tenha maior autonomia financeira e possa revertê-lo na ampliação da construção de casas para famílias de baixa renda em todo o estado.

No mesmo evento ainda foram assinados o contrato de prestação de serviços com a construtora Arena, responsável pela obra, e o Termo de Cooperação com a prefeitura de Ponta Grossa, com a anuência da Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar). (Fonte: ANPr)

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail, website ou empresa não serão publicados.

Confira outros Posts