Política

Ponta Grossa vai inaugurar 15 CMEIs até o final do ano

Novo Cmei 2A Educação em Ponta Grossa vai receber 15 novos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) até o final do ano, todos inaugurados ao longo de 2016, seguindo planejamento da Secretaria Municipal de Educação (SME). Nesta quinta-feira (14), mais uma unidade foi inaugurada, no Jardim Jacarandá, Bairro Boa vista, com a participação de mais de 400 pessoas da comunidade. Nesta sexta (15), uma nova será oficialmente entregue para a população, desta vez no Jardim Quero-Quero, no Cará-Cará. O investimento nas duas unidades soma R$ 4 milhões.

Até agora, nove unidades já foram colocadas em funcionamento. As outras seis estão em fase de construção e serão entregues até o fim deste ano, sendo quatro até julho. Com a construção do CMEI Marjorie Bitencourt Emílio Mendes, entregue nesta quinta, a comunidade ganha mais 220 vagas em tempo integral para crianças de 3 a 5 anos, sendo 170 já matriculadas e estudando. O custo de R$ 2,5 milhões foi investimento integral da Prefeitura de Ponta Grossa.

Segundo a secretária Esméria Savelli, 100% do ensino a partir de quatro anos, obrigatório, já é oferecido pelo Município. “Conseguimos alcançar esta meta porque começamos este trabalho muito cedo, com muito planejamento e estudos técnicos. Por isso também estamos conseguindo chegar à meta de 50% de oferta de vagas para zero a três anos, cujo ensino não é obrigatório”, conta Savelli.

Novo CmeiCrescimento

Conforme o prefeito Marcelo Rangel (PPS), os investimentos em Educação realizados pela administração estão preparando as crianças para o crescimento de Ponta Grossa. “A família ponta-grossense sabe hoje que as escolas municipais e CMEIs têm uma estrutura e um trabalho pedagógico muito bem elaborados. Estamos inclusive atraindo muitas famílias das escolas particulares, devido à alta qualidade do nosso ensino integral, da alimentação e das condições dos nossos CMEIs e escolas. A Educação de qualidade é nossa grande obra”, conta Rangel.

Estrutura

Para Larissa Cristiane da Silva, mãe da pequena Laísa Yasmim, de 3 anos, moradora do Jardim Esplanada e que estuda no Jacarandá desde o início do ano, a estrutura do CMEI “é bem impressionante”. “As salas, as professoras, tudo é muito bom, minha filha gosta muito. Todos os dias ela conta alguma coisa diferente que aprendeu e ela come muito bem, até salada. Agora até em casa ela come melhor, eu acho que é o incentivo que ela tem aqui, vendo os amiguinhos”, relata a mãe.

“Construir um CMEI aqui no Jacarandá era uma necessidade muito grande. Digo isso como diretora e também como moradora da comunidade. Se não fosse essa decisão da Prefeitura, crianças de toda a região estariam sem escola. Recebemos alunos não somente do Jacarandá, mas também do Monte Carlo, Parque Nossa Senhora das Graças, Leila Maria e Esplanada”, conta a diretora da unidade, Lucinéia de Almeida. (Fonte: PMPG)

Confira outros Posts