Política

CCR RodoNorte inicia programa ‘Caminhos para a Cidadania’ em seis cidades da região

Rodo Teatro 3
Nesta terça-feira o programa ‘Caminhos para a Cidadania’ chegou a Carambeí | Foto: Divulgação

Colaborando constantemente com a formação cidadã nos municípios que estão ao longo das rodovias cuidadas pela empresa, a CCR RodoNorte lançou neste mês o programa ‘Caminhos para a Cidadania’. O novo programa, que chega para substituir o ‘Estrada para a Cidadania’, terá atividades em oito cidades do Paraná, seis na região dos Campos Gerais: Ponta Grossa, Castro, Carambeí, Tibagi, Piraí do Sul e Ipiranga.

Entre as novidades do programa recém-lançado pela CCR RodoNorte estão a ampliação dos conteúdos e atividades do material didático, que é disponibilizado de forma gratuita para alunos e professores de 4º e 5º anos na rede pública de ensino.

Ao todo, cerca de 15 mil estudantes serão atendidos pelo ‘Caminhos para a Cidadania’ durante este ano. Além do material didático, os professores terão a oportunidade de trocar experiências em oficinas periódicas com os educadores que integram o programa.

Rodo TeatroTeatro abre atividades

Para abrir as atividades do ‘Caminhos para a Cidadania’ no Estado, a CCR RodoNorte apresenta o teatro ‘Cadê o Amor que estava aqui?’ em turnê pelos municípios que integram o programa. Nesta quarta-feira (16), a parada será em Castro, com apresentações no Teatro Bento Mossurunga às 9h30 e às 14 horas. Além de Castro, a semana ainda terá apresentações em Tibagi (na quinta) e Piraí do Sul (na sexta-feira); a abertura das apresentações foi em Ponta Grossa, enquanto nesta terça a peça foi apresentada em Carambeí.

A peça

A peça, protagonizada pela dupla Lucas e Luiza, conta as experiências de um dedicado professor deficiente visual que luta por um mundo melhor formando cidadãos conscientes. Ele promove uma atividade em sala de aula, e pede a cada aluno que traga uma nova ideia para construir um país mais justo e unido. Juntos, professores e alunos concluem que são maiores as descobertas quando os valores individuais são trabalhados em grupo, e que força de vontade aliada a pequenas atitudes podem mudar um planeta. (Fonte: Assessoria)

Confira outros Posts